SoulRock

Música independente brasileira

Andrei Furlan

30 de outubro de 2014 Bandas / Bandas Locais

andrei
Foto: Divulgação.

Quem ouve Andrei Furlan não imagina que a sua história musical começou na igreja. Dentro de casa as tias ensaiavam constantemente um trio de vozes ao lado da avó. Foi com elas que aprendeu as poucas notas do piano que sabe até hoje. Do pai ganhou um violão, já que a guitarra, instrumento tão desejado, era coisa proibida. Daquela época lembra-se da primeira vez que ouviu rock. Escondido e com fones de ouvido escutou a primeira fita cassete que tinha de um lado Pearl Jam e de outro The Doors. “Fiquei impressionado com Riders on the storm. Eu não podia ouvir esse tipo de música porque era considerada secular pelo meu pai. Mas desde a hora que ouvi, fiquei alucinado, sabia que aquilo ia mudar a vida”. A partir de então ele queria cada vez mais aprender violão. Depois de virar o rei das rodinhas, ganhou um sax alto. Junto com o seu pai teve apenas duas aulas antes de se apresentar na igreja. Lá era seu palco.

Continuou com a vida dupla na adolescência. Afastado da igreja e cursando a faculdade de Biologia da USP Ribeirão Preto, foi no fértil campo estudantil que encontrou espaço para fazer novas parcerias, criar festivais e promover festas. A cena musical do interior de São Paulo estava começando a efervescer e, com isso, passou a fazer participações em várias bandas da cidade. Entre elas, destaque para a MPP, que lotava as principais casas de show da região e chegou a ser finalista do FAM (Festival da Alta Mogiana). Foi neste momento que sentiu querer mais do que apenas repetir o repertório de suas referências musicais. Como sempre gostou de escrever, decidiu partir para a composição. Encontrou na banda Palhas e Pulhas o lugar ideal para expor suas idéias e as compartilhar com o público. Com a banda teve a primeira experiência de gravar, ensaiar em um estúdio e produzir shows. Abriu festivais para grandes nomes, foi finalista do FUN MUSIC (Festival Universitário de Música) e conseguiu projeção com o disco “O Barbeiro e o Palhaço”.

Andrei Furlan lançou em setembro de 2013 seu primeiro álbum autoral, “Dia de Casa”, com produção de Gustavo Ruiz pela YB music. O álbum esteve presente nas listas dos melhores lançamentos deste ano, como dos sites “Tropicália”, “Jardim Elétrico”, programa “Cultura Livre” e pelo produtor musical Solano Ribeiro em seu programa de rádio Cultura Brasil. Andrei tem se apresentado em casas da cena alternativa paulistana.

Ouça o som da banda.
https://soundcloud.com/andrei-furlan

Falamos sobre:

Conteúdo exclusivo:

Sobre o site:

O SOULROCK é um site que tratará a nova música independente brasileira. As conexões com o passado e suas reverberações com o futuro.Vai mostrar também a cena autoral ribeirão-pretana de um jeito jamais retratada.
O caldeirão está aberto.